DISPÊNDIOS ENERGÉTICOS NO SISTEMA DE PRODUÇÃO DA SERINGUEIRA

RESUMO: O balanço energético visa estabelecer os fluxos de energia, identificando a demanda total e eficiência, refletida pelo ganho líquido e pela relação saída/entrada. O objetivo deste estudo é analisar o desempenho energético da heveicultura por meio de indicadores como eficiência cultural, produtividade cultural e eficiência energética e balanço energético. Foram utilizados dados das matrizes de coeficientes técnicos e exigências físicas de fatores de produção para a borracha no estado de São Paulo. Os resultados apontam que a eficiência energética obtida foi de 7,05 unidades de energia não renováveis aplicadas no sistema de produção da seringueira. Esse valor indica que a relação entre o somatório das energias totais e o somatório das entradas de energia não renováveis é positiva. Palavras-chave: balanço energético, eficiência energética, seringueira.




 

 

 


Governo do Estado de SP