Preços Agropecuários: alta de 0,35% na terceira quadrissemana de janeiro de 2013

O Índice Quadrissemanal de Preços Recebidos pela Agropecuária Paulista (IqPR)1,2 registrou alta de 0,35% na terceira quadrissemana de janeiro de 2013. Separado em grupos de produtos, tanto IqPR-V (produtos de origem vegetal) quanto IqPR-A (produtos de origem animal) fecharam com variações positivas de 0,44% e 0,13%, respectivamente (Tabela 1).

 

Tabela 1. Variação Percentual do IqPR, 3ª Quadrissemana – Janeiro/13, Estado de São Paulo.

 

São Paulo

São Paulo - sem cana

IqPR

0,35 %

0,77 %

IqPR-V

0,44 %

1,49 %

IqPR-A

0,13 %

-

Fonte: Instituto de Economia Agrícola (IEA).

 

 

Quando a cana-de-açúcar açúcar (que no período teve queda de 0,13%) é excluída do cálculo do índice devido a sua importância na ponderação dos produtos, IqPR e o IqPR-V   apresentam variações positivas, com pouco mais intensidade na ordem de 0,77% e 1,49% (Tabela 1).

 

Tabela 2 - Variações das Cotações dos Produtos, 3ª Quadrissemana – Janeiro/13, Estado de São Paulo.

Origem

Produto

Unidade

Cotações (R$)

Variação (%)

3ª Dez/12

3ª Jan/13

VEGETAL

Algodão

15 kg

52,35

53,87

2,91

 

Amendoim

sc.25 kg

31,29

28,88

- 7,72

 

Arroz

sc.60 kg

47,22

45,49

- 3,66

 

Banana nanica

kg

0,4960

0,4205

- 15,22

 

Batata

sc.50 kg

42,33

62,80

48,36

 

Café

sc.60 kg

327,35

318,31

- 2,76

 

Cana-de-açúcar

kg de ATR

0,4750

0,4743

- 0,13

 

13ª

Feijão

sc.60 kg

175,11

167,17

- 4,53

 

Laranja p/ Indústria

cx.40,8 kg

6,40

5,97

- 6,58

 

Laranja p/ Mesa

cx.40,8 kg

6,99

7,33

4,78

 

Milho

sc.60 kg

29,68

29,22

- 1,55

 

10ª

Soja

sc.60 kg

68,34

62,02

- 9,24

 

Tomate p/ Mesa

cx.22 kg

28,90

42,28

46,28

 

Trigo

sc.60 kg

36,10

41,71

15,55

 

ANIMAL

Carne Bovina

15kg

96,94

95,31

- 1,69

 

Carne de Frango

Kg

2,87

2,96

3,24

 

Carne Suína

15 kg

70,31

68,51

- 2,55

 

Leite B

Litro

0,9767

0,9637

- 1,33

 

11ª

Leite C

Litro

0,8807

0,8699

- 1,22

 

12ª

Ovos

30 dz

53,98

55,99

3,72

 

Fonte: Instituto de Economia Agrícola

 

Os produtos do IqPR que registraram as maiores altas na terceira quadrissemana do ano foram: batata (48,36%), tomate para mesa (46,28%), trigo (15,55%) e laranja para mesa (4,78%)  (Tabela 2).

O final da colheita da batata na região de Itapeva, associado ao maior consumo no final de ano e de fortes chuvas que prejudicaram a produção, provocaram o aumento do preço do produto.

            No caso do tomate, numa situação de demanda aquecida com festas de final de ano e safra menor, devido às chuvas continuadas, geraram perdas de colheita, com impacto conjuntural no abastecimento do produto, elevando seus preços.

Para o trigo, as quebras na última safra (principalmente no Hemisfério Norte e Argentina) e a valorização do dólar em 2012 elevaram os preços recebidos pelos produtores do produto, colocando-o como opção ao milho safrinha nas regiões produtoras em 2013. Estes aumentos já estão sendo repassados no preço da farinha de trigo e consequentemente ao consumidor final pelas panificadoras.   

Os produtos que apresentaram as maiores quedas de preços nas últimas quatro semanas foram: banana nanica (15,22%), soja (9,24%) e amendoim (7,72%)  (Tabela 2).

No caso da banana, o clima quente e chuvoso acelerou a oferta do produto, ao mesmo tempo em que a demanda diminuiu com a concorrência de outras frutas de época (verão), provocando a redução do preço do produto.

            Para a soja, a perspectiva de safra recorde no Brasil (que deve ultrapassar a produção dos Estados Unidos) e a execução de vendas antecipadas por parte dos produtores apresentam a expectativa de uma grande quantidade do produto no mercado em 2013. É importante enfatizar, contudo, que em comparação com o mesmo período do ano anterior os preços atuais estão aproximadamente 50% maiores.

 A liberação de estoques de amendoim superou a demanda, provocando a redução dos seus preços.

Em resumo, nesta quadrissemana, 7 produtos apresentaram alta de preços (5 de origem vegetal e 2 de origem animal) e 13 apresentaram queda (9 vegetais e 4 de origem animal).

¹A fórmula de cálculo do índice (IqPR) é a de Laspeyres modificada, ponderada pelo valor da produção agropecuária paulista. As cotações diárias de preços são levantadas pelo IEA e divulgadas no Boletim Diário de Preço. As variações são obtidas comparando-se os preços médios das quatro últimas semanas (referência) com os preços médios das quatro primeiras semanas (base), sendo a referência = 24/12/2012 a 23/01/2013 e base = 24/11/2012 a 23/12/2012.

 ²Artigo completo com a metodologia: Pinatti, E.; Sachs, R.C.C.; Angelo, J.A.; Gonçalves, J.S. Índice quadrissemanal de preços recebidos pela agropecuária Paulista (IqPR) e seu comportamento em 2007. Informações Econômicas, São Paulo, v.38, n.9, p.22-34, set.2008. Disponível em: http://www.iea.sp.gov.br/out/verTexto.php?codTexto=9573

Data de Publicação: 01/02/2013

Autor(es): Luis Henrique Perez (lhperez@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor
Danton Leonel de Camargo Bini (danton@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor
Eder Pinatti (pinatti@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor
José Alberto Angelo (alberto@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor